Postagens populares

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Pensamentos & Devaneios





Com os pés fincados no chão e a cabeça nas nuvens, eu inicio um passeio pela estrada da imaginação. Meus pensamentos percorrem córregos e mares. Correm pelo planeta em busca de compreender a essência das minhas escolhas nem sempre acertado; frequentemente equivocadas. Numa velocidade inexplicável, é possível mudar os rumos que os próprios ditados desarrumam, contextualizando o cenário que me encaixo. Imagens refletindo os dissabores e sabores do abismo da desilusão: companheira constante na viagem por estradas solitárias. Ainda passeando pelos devaneios do meu “Eu” quase estático, devido à frieza da alma que por culpa do coração insensato, fiquei à mercê do frio nas montanhas do incerto. As nuvens parecem aproximar-se mais rapidamente da realidade dos meus conceitos, transportando-me de repente para a lucidez de um ser humano que procura a porta de saída da caverna do amor sufocado, prensado, e negado. Sem perceber muito da realidade que se faz recente, é provável que a probabilidade de encontrar naquele deserto uma canoa para cruzar o lago da tristeza seja quase nula, todavia, há uma sintonia da razão e emoção que despertam para a mesma direção: vai passar por ali sem data prevista e horário marcado, o barco que transportará meu ser para o outro lado da civilização sentimental, onde certamente o amor e eu nos encontraremos... Esperar é preciso, pois o amor quer ser amado.

Cristina Barros Guariento
Dez/2011